Peeling Químico

Tratamento cujo objetivo é provocar esfoliação de uma certa profundidade da pele

O Peeling é uma técnica que promove uma abrasão da pele através do uso de ácidos, lixamento ou laser e favorece a renovação da pele podendo ser muito superficial (atinge o estrato córneo da epiderme), superficial (atingem camadas mais profundas da epiderme) médio (atinge a derme papilar) ou profundo (atinge a derme reticular).

Em princípio, o peeling retira uma camada da pele, que depois é regenerada e recebe um aspecto novo através de células que permanecem em determinados pontos da pele e com capacidade de reprodução.

O peeling é um tipo de procedimento capaz de corrigir as alterações do envelhecimento da pele.

Os problemas que afetam a pele, como a acne, a ação hormonal, o passar dos anos, a luz e a genética acabam por provocar alterações inestéticas na pele como: rugas, sulcos, flacidez, aspereza, manchas, cicatrizes esses surgem alterando a aparência da pele da face e do corpo.

• Processos inflamatórios cutâneos
• Pacientes com distúrbios de cicatrização
• Gestantes
• Diabetes descompensada
• Distúrbios de coagulação
• Distúrbios de cicatrização
• Acne ativa
• Eczemas/dermatites/lesões de psoríase
• Câncer de pele
• Lesões virais como herpes ativo
• Lesões vasculares
• Uso de anticoagulantes

Os tipos de peelings vão variar conforme tipo de pele, oleosidade, resultados esperados, grau de envelhecimento, fototipo dentre outros.

Agende a sua avaliação física gratuita!

Faça agora a sua Avaliação Física GRATUITA conosco é prático e rápido. Teremos o prazer em recebê-lo(a)!